Desempenho escolar é afetado por problemas na audição

Muitos pais e professores associam dificuldades de aprendizado das crianças e adolescentes à dislexia, hiperatividade ou até mesmo desatenção, no entanto, pode se tratar de um problema auditivo, conforme explica a fonoaudióloga Cintia Fadini.
– A criança consegue ouvir claramente a fala humana. Não é considerada surda. Porém, ela possui grande dificuldade em decodificar e interpretar a mensagem recebida na presença de barulho, principalmente – explica.
O Transtorno, ou Desordem, do Processamento Auditivo (DPAC) atinge 7% das crianças em idade escolar, conforme pesquisa realizada pelo instituto American Speech-Language Hearing Association (ASHA).
As crianças com esse transtorno são consideradas preguiçosas ou desatentas, por serem hiperativas e não conseguirem prestar atenção, o que consequentemente afeta o aprendizado.
É muito importante que os pais que identificarem que os filhos apresentem quaisquer desses sinais, procurem o fonoaudiólogo para que ele possa dar o diagnóstico correto e a indicação do melhor tratamento.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.