NASA planeja avião supersônico que não faz barulho

Imagine viajar a uma velocidade superior a 2 mil km/h: acredite, isso já foi possível. Na segunda metade do século XX, os céus foram tomados pelo Concorde, um avião supersônico de passageiros. Construído em parceria por ingleses e franceses, era operado pelas companhias British Airways e Air France e foi utilizado de 1969 a 2003. Era 2,04 vezes mais rápido que o som, atingindo uma velocidade de 2.179 km/h (um Boeing atual, por exemplo, voa a no máximo 912 km/h). Isso significava ir de Paris a Nova Iorque em cerca de três horas, cinco a menos do que um voo direto convencional.

Apesar de tão impressionante, o Concorde acabou caindo em ostracismo, especialmente pelo seu alto custo operacional e baixa capacidade de assentos, mas o sonho de um avião de passageiros supersônico não morreu com ele. Por isso, a NASA firmou em abril um acordo milionário com a Lockheed Martin para criar a sua versão e vai aproveitar para resolver um problema do antigo Concorde: o barulho.

Esse inconveniente era tamanho que inicialmente fez com que o Concorde fosse proibido de entrar no espaço aéreo dos EUA. Posteriormente, mesmo após a liberação para pousar no país, foi impedido de sobrevoar continentes. No caso do supersônico da NASA, porém, o fato de ser silencioso o permitiria voar sobre áreas civis.

O projeto é chamado de X-plane e consiste numa aeronave do tamanho de um jato comercial, com capacidade de voar a 1,6 mil km/h, e está previsto para ser colocado em condições de testes a partir de 2022. O barulho? Não deverá ser mais alto do que a porta do seu carro sendo fechada.

 

Fontes:

https://tecnologia.uol.com.br/noticias/redacao/2018/05/12/nasa-quer-criar-aviao-supersonico-silencioso-que-possa-voar-sobre-cidades.htm

https://super.abril.com.br/tecnologia/supersonico-comercial/

https://www.vix.com/pt/bbr/ciencia/3988/6-fatos-sobre-o-aviao-supersonico-concorde-e-sua-incrivel-velocidade

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.