Posts

Concurso conscientiza adolescentes sobre perda auditiva induzida por ruído

Para aumentar a conscientização sobre a perda auditiva induzida pela poluição sonora em adolescentes, a fundação americana Starkey Hearing criou a campanha Listen Carefully (Ouça com cuidado) , onde jovens de 13 a 18 anos podem participar do concurso enviando vídeos mostrando a importância da proteção auditiva.

O “Listen Carefully Contest” foi criado após estudos revelarem que a perda auditiva induzida por ruídos aumentou em 30% em adolescentes ao longo da última década.
Hoje os adolescentes americanos, 1 a cada 6, tem perda de audição permanente em decorrência de sons em alto volume.
Problemas de audição afetam mais de 360 milhões de pessoas, incluindo 32 milhões de crianças em todo o mundo, mas muitos não têm acesso aos aparelhos auditivos.

“Jogos de futebol, shows, dispositivos de áudio portáteis, eletrodomésticos e, até mesmo, secadores de cabelo podem danificar a audição em menos de 10 segundos. A perda auditiva induzida é permanente, mas muitas vezes evitáveis. Esperamos que o concurso consiga educar e transmitir aos jovens de forma criativa sobre os perigos para a saúde de estarem submetidos a sons de alta frequência.” – disse Tani Austin, cofundadora da Starkey Hearing Foundation.

Os trabalhos vencedores serão divulgados em janeiro de 2015.

Poluição sonora afeta motoristas de ônibus e jovens

O programa “Bom Dia Brasil” apresentou reportagem com o comentarista Alexandre Garcia sobre o estresse e problemas de audição em metade dos motoristas de ônibus de Brasília.

Os motores deveriam obter mais isolamento acústico, já que o motorista não pode usar abafador de som nos ouvidos e a audição é uma ferramenta importante para o profissional estar atento aos sinais acústicos do trânsito, sons externos e receber informação de passageiros.

A matéria ainda informa que os jovens estão perdendo a audição por causa do uso de fones de ouvido e do barulho produzido nos lugares e shows que frequentam, além de terem as cordas vocais prejudicadas.

Confira como o barulho esta afetando a população das grandes cidades na matéria: Nossas cidades são muito barulhentas‘, afirma Alexandre Garcia